• Qual a melhor porta de entrada para você?

    28 Oct 2014
  • Programa de Estágio, Programa de Trainee, vaga CLT como Analista Jr, Programa de Jovens Profissionais … São tantas as possibilidades de entrada no mercado de trabalho que, em alguns momentos, fica difícil escolher. Seguem as dúvidas mais comuns que sempre ouvimos dos jovens que nos procuram para darmos orientação de carreira.

    Qual é a diferença entre estagiário e trainee?

    O estágio é um vínculo entre a escola e a empresa. O contrato tem um tempo de validade e uma lei específica. Para ser um estagiário a pessoa precisa estar matriculada no ensino médio, faculdade ou universidade. O principal objetivo do estágio é o aprendizado e desenvolvimento profissional. É uma fase de “experimentação”, para aprender e conhecer como é o trabalho em mais de uma área de atuação – o que ajuda a escolher melhor qual tem mais a ver com o seu jeito de ser.

    Para ser trainee, o jovem precisa já ter acabado a faculdade. É um funcionário CLT e tem um vínculo direto com a empresa. A diferença dele para os outros funcionários é que durante o programa passará por alguns treinamentos específicos.

    Pra quem não tem experiência profissional qual é a melhor porta de entrada?

    Oportunidades de estágio e Programas de Trainee geralmente  não exigem experiência profissional anterior. Mas se já tiver feito algo como trabalho voluntário, monitoria, organização estudantil, vendas e afins pode ser um diferencial no processo seletivo (desde que tenha agregado algo à sua história).

    Um Programa de Trainee ajuda mesmo a assumir um cargo de liderança mais cedo?

    Isso depende muito do desempenho durante o programa. Para as empresas, um programa de trainee é um alto investimento, então o retorno em resultados é muito cobrado! A proposta de alguns deles é formar líderes, mas não são todos os programas que propõem este “aceleramento de cargo”. Um trainee terá boas oportunidades de aprendizado e exposição com executivos e outras áreas, porém, seu crescimento dependerá de suas entregas.

    Estou em uma empresa como efetivo, mas não atuo na área que desejo. Devo procurar um estágio para tentar mudar de área?

    A escolha de sair de um emprego e começar um estágio pode envolver diminuição salarial e perda de benefícios, mas pode ser uma grande oportunidade para proporcionar desenvolvimento e aprendizados. É preciso colocar todos os pontos na balança, inclusive o risco de não ser efetivado. Por outro lado, é uma chance de sair de uma estagnação e crescer profissionalmente. É uma forma de entrar em uma área que não conhece, pois não exige experiência anterior.

    Programa de Trainee e de Jovens Profissionais é a mesma coisa?

    Não. Cada programa tem um objetivo e um escopo diferente. Se você está terminando a faculdade ou é recém-formado, procura crescimento acelerado e muitos desafios, ser trainee é uma boa ideia. Agora, se você já tem alguma experiência e mais clareza do caminho que quer percorrer, ser jovem profissional fortalecerá seu conhecimento na sua área de atuação.

    Entre todas as possibilidades, não existe uma que seja melhor, certa ou errada. Cada um deve trilhar o seu próprio caminho. O segredo está em aproveitar ao máximo cada oportunidade de aprendizado e desenvolvimento. E, principalmente, fazer sempre escolhas de acordo com os seus objetivos pessoais e profissionais

    por Bruna Tokunaga Dias
    Gerente de Orientação Profissional da Cia de Talentos

  • Compartilhe:
    Tags: