• Uma dose de etiqueta profissional

    15 Oct 2014
  • Existe um conjunto de comportamentos  e códigos de conduta explícitos ou implícitos que são ou não valorizados em certas realidades, ambientes e empresas. Este conjunto adequado à determinada realidade é a cultura organizacional de uma empresa. Mas existe uma relação de comportamentos valorizados e bem vistos em  qualquer ambiente de trabalho. São pequenas atitudes que estão ligadas à Etiqueta Profissional. Vamos falar de algumas posturas básicas:

    – Vista-se adequadamente: no ambiente de trabalho o que está em jogo é a sua competência e a forma de se vestir deve estar adequada ao perfil, segmento e padrão da empresa. O seu guarda roupa precisa combinar com o seu crachá. Vale fazer aquela limpeza do que não serve mais ao contexto profissional e despedir-se das roupas de “estudante” e de ir para a faculdade;

    – Utilize os recursos da organização com moderação. Pra ser mais específica: utilize os recursos da organização como se fossem seus. Os mesmos cuidados com os objetos da sua casa são os cuidados com os objetos da empresa. Fique atento ao tempo que passa no telefone, na internet, nas redes sociais. Pense como gasta e utiliza o que te oferecem;

    – Procure o momento certo para conversar com as pessoas. Cuidado com interrupções e preste atenção no impacto que produz no ambiente: falar alto demais, levantar demais, qualquer gesto demais pode incomodar os seus colegas, sobretudo em ambientes abertos. E não se engane: no trabalho você é avaliado o tempo todo e a sua imagem profissional é formada a partir de como os outros te enxergam;

    – Nas viagens que por ventura você fizer em nome da empresa não se esqueça nem por um minuto que você está lá representando a empresa. Por mais que seja um hotel maravilhoso você está lá a trabalho e não de férias. Cuidado com a vestimenta e com o seu comportamento;

    – Nomes de clientes, pessoas e informações devem ser preservados. Confidencialidade é fundamental para estabelecer vínculos de confiança. Aprenda a segurar a língua e procure reconhecer para quem e com quem irá compartilhar o que sabe e as suas percepções. Como diz o ditado: “Em boca fechada não entra mosquito.” Além disso, cuidado em elevadores, restaurantes e lugares públicos. Você nunca sabe quem pode estar ao seu lado.

    por Bruna Tokunaga Dias
    Gerente de Orientação Profissional da Cia de Talentos

  • Compartilhe:
    Tags: