• De letrada à marqueteira – como a vida me trouxe até aqui

    6 May 2016
  • Há um ano e meio assisti a uma palestra de um grande executivo de Marketing em um curso de imersão em Branding. Ele dizia: “desista enquanto há tempo”. Durante sua fala, ele mostrou a velocidade e ferocidade com que as coisas mudam na área de Comunicação e Marketing, mostrou que essa é uma das áreas que todos pensam que sabem e querem “pitacar” (rs) e mostrou que os desafios são avassaladores. Tudo verdade? Sim. Tudo assim, tão desesperador? Não necessariamente.

    Eu sou a profissional do tipo “forasteira do marketing”, como esse executivo colocou na ocasião. Não sou graduada na área. Sou formada em Letras (Tradução e Interpretação) e pós-graduada em Comunicação. Assim como eu, há muitos profissionais de Marketing com formações diferentes e eu só consigo ver a parte meio cheia do copo, nesse sentido.

    Sabe por quê? Porque uma só disciplina não dá conta dos desafios da área (e arrisco dizer de nenhuma outra área atualmente). Para ser um excelente profissional de Marketing (e não um mero marqueteiro como costumam dizer, de maneira pejorativa arghhhh), você precisa ser apaixonado por desafios, pelo novo e apaixonado por pessoas. “Desafios” porque em nossa área eles são mais frequentes do que tudo. Pelo “novo”, porque segundo uma pesquisa recente de Harvard, o Marketing é a área que mais muda no mundo, ficando atrás apenas de Tecnologia (!). Quem quer entrar e permanecer na área, tem que ter uma curiosidade pra lá de aguçada e não paralisar quando não se tem respostas. E “pessoas’ porque com o nosso trabalho, temos a felicidade de tocar a vida de muitas delas. Casa nova? Curso novo? Um serviço diferente? Pois é, conectamos pessoas a possibilidades. Ampliamos horizontes e se formos realmente eficientes, contribuímos para que elas cheguem mais perto de seus objetivos pessoais e profissionais.

    Eu não fui atrás do Marketing. A vida me trouxe até ele. Quando eu ainda usava laço no cabelo, comecei a trabalhar com eventos e traduções.  Essas duas áreas me possibilitaram conhecer pessoas, cursos e ambientes que me trouxeram até aqui. E quer saber? Sou grata a cada parte desse quebra cabeça que me fez forasteira e marqueteira (agora, no bom sentido da palavra…rs). Graças a essa combinação de coisas chamada “vida”, pude estar em uma empresa que conecta tudo o que eu mais amo: desafio puro, desbravar o “novo”, e impactar pessoas. Não poderia haver, pelo menos para mim, combinação melhor!

    Lilian de Moraes Gaino Dorighello
    Gerente de Comunicação & Marketing da Cia de Talentos/DMRH

  • Compartilhe:
    Tags: